iOS 14: a tão aguardada décima quarta versão do sistema operacional dos aparelhos Apple é anunciada com diversas novidades relevantes, tanto na interface, quanto nas funcionalidades que acompanham os smartphones. Conheça!

iOS 14: a tão aguardada décima quarta versão do sistema operacional dos aparelhos Apple é anunciada com diversas novidades relevantes, tanto na interface, quanto nas funcionalidades que acompanham os smartphones. Tão esperado quanto os iPhones, o lançamento de um novo SO representa o update de funções importantes, como câmera e saídas de som, como também aquelas mudanças nem tão necessárias assim, mas que depois a gente acaba jurando que precisava. 

Tamanha ansiedade pelo iOS 14, divulgado nove meses após a disponibilização do décimo terceiro, é justificada pelos números: somente dos aparelhos que figuraram entre os 10 mais vendidos, a Apple totaliza 134,1 milhões de celulares vendidos em 2019 ao redor do mundo. Nessa lista, aparecem modelos do iPhone 8 ao XR. A nova atualização abarcará modelos lançados desde 2015, o que aumenta ainda mais a gama de usuários que serão beneficiados com o update. 

As novidades do iOS 14 foram anunciadas durante a edição online da Worldwide Developers Conference (WWDC), uma conferência organizada pela Apple para exibir as novidades dos seus softwares para diversos desenvolvedores ao redor do mundo. Além do sistema operacional dos iPhones, também foram divulgadas as novidades para iPadOS, watchOS, tvOS e macOS. 

Como tudo que envolve a Apple recebe opiniões divergentes, dessa vez, não foi diferente. Entre os posicionamentos mais populares, estão aqueles que alegam que as mudanças foram relevantes e também os ‘haters’ mais radicais, que defendem até que o Android fez boa parte disso tudo primeiro. Abaixo, destacamos as atualizações mais comentadas! 

 

iOS 14: as novidades

Assinatura compartilhada: Assim como os aplicativos de streaming, incluindo a Apple Music e a Apple TV, a partir do iOS 14, a App Store também poderá ter assinatura compartilhada das funcionalidades que demandam pagamento mensal. Assim, todos os usuários ativos no plano poderão usufruir do app contratado. Além dos downloads da loja de aplicativos, os participantes do modelo de Compartilhamento Familiar também podem dividir espaço no iCloud. 

Biblioteca de aplicativos: Aqueles que adoram organizar os apps por categorias, agora, poderão se poupar do trabalho com o iOS 14. Com a App Library, o celular automaticamente categoriza os aplicativos de acordo com a sua utilidade, como entretenimento, produtividade e afins. A função também separa as ferramentas mais utilizadas e as baixadas recentemente. Agora, o usuário também poderá ocultar aplicativos da página inicial e deixar apenas na sua biblioteca. Isso você já deve ter visto em algum lugar.  

Picture in Picture: Um dos recursos mais requisitados finalmente chegará ao iPhone com o iOS 14. Com a Picture in Picture ou simplesmente PiP, o usuário pode deixar um vídeo rodando no canto da tela enquanto utiliza outras ferramentas do celular. Resta saber se a novidade funcionará com o YouTube, já que esse é um dos principais diferenciais da versão premium do aplicativo. 

Tradutor: Agora, o usuário da Apple não precisará mais baixar o aplicativo do Google quando quiser traduzir algo. O Translate, o tradutor da ‘maçãzinha’, já vem pré-instalado com o iOS 14. O principal diferencial da ferramenta é a tradução simultânea de conversas. No lançamento, 11 línguas estarão disponíveis, incluindo, o português brasileiro. 

Acessibilidade: Para otimizar o uso para pessoas com deficiência, no iOS 14, o iPhone é capaz de descrever imagens, reconhecer sons e identificar comandos mais específicos. Graças à uma tecnologia de Inteligência Artificial, o VoiceOver lerá textos em fotos e ainda será capaz de identificar os elementos de imagens e das telas. O aparelho também alertará deficientes auditivos sobre diversos sons, como bebês chorando ou cachorros latindo. Para os que possuem alguma limitação física, o celular disponibilizará um recurso que permite cadastrar funções, como tirar print e criar PDF, e executá-las apenas com toques duplos ou triplos na parte traseira do aparelho. 

Widgets: Para quem não sabe, o Widgets é uma espécie de atalho para os aplicativos que exibem prévias de mensagens, previsão de tempo e notificações. A funcionalidade já existia no iPhone, mas apenas na aba “Buscar”. Com o iOS 14, além de uma maior lista de apps que fornecerão atalhos, o usuário também poderá adicionar na página inicial e ainda definir o tamanho e a organização. 

 

iOS 14: quando estará disponível? 

Por enquanto, a versão beta, que a Apple sempre disponibiliza para testes, do iOS 14 está disponível apenas para desenvolvedores. A expectativa é que, a partir deste mês, a versão pública seja divulgada. 

Para fazer parte do grupo de testadores do iOS, acesse o site do Apple Beta Software Program e faça o seu cadastro. Com a iniciativa, a Apple quer que o usuário testes as funcionalidades e envie feedbacks diretos. Vale reforçar que você estará instalando uma versão ainda não finalizada do sistema operacional, o que deixar seu aparelho suscetível a alguns bugs. 

A versão oficial do iOS 14 deve chegar oficialmente a partir de setembro, quando tem início o outono nos Estados Unidos, uma das temporadas preferidas para lançamentos da empresa. Todos os modelos do iPhone a partir do 6s, lançado em 2015, poderão instalar gratuitamente a atualização. 

 

Siga a gente! 

Também estamos nas redes sociais! Para ficar por dentro dos nossos conteúdos e dos nossos serviços, siga-nos!

Facebook | Instagram | Twitter | Linkedin | YouTube